Museu da República

                   
0
235

Por Denilson Alexandre Coêlho

O Museu da República foi disponibilizado em formato digital pelo site eravirtual.org cujo projeto se chama “ERA VIRTUAL”, apresentado pela Fundação Vale, com o apoio da RNP e IDC – Internet Data Center e em parceria com a Universidade do Rio de Janeiro, Universidade Federal de São João Del Rei, UNESCO, IPHAN e o Ministério da Cultura.

O museu foi inaugurado em 15 de novembro de 1960 e localiza-se na cidade do Rio de Janeiro – RJ, no centro da cidade, e ocupa as instalações do antigo Palácio do Catete.

Antes de iniciar a visita virtual, é interessante saber um pouco mais sobre o Brasil República.

No dia 15 de novembro de 1889 ocorreu a proclamação da República Brasileira. No início foi governado por militares, mas no final do século XIX e início do século XX os civis assumiram o poder. Até o ano de 1929 a República foi apelidada de República Velha ou República do Café com Leite, uma referência a alternância de poder entre São Paulo (maior produtor de café da época) e Minas Gerais (grande produtor de leite da época).

Em 1930, Getúlio Vargas assumiu o poder após a revolução de 1930, que pôs fim à República Velha. Governou até o ano de 1945. Esse período ficou conhecido como Era Vargas, em que governou de forma provisória até 1934, constitucionalmente até 1937 e de forma ditatorial até o ano de 1945 (período chamado Estado Novo de 1937 a 1945). Depois, em 1951, foi eleito Presidente da República democraticamente. Entretanto, em 1954, suicidou-se.

De 1954 a 1964 ocorreu um período democrático e de estruturação da República. No entanto, em 1964 com o golpe Militar, o Brasil deu um passo atrás em sua missão de ser uma República Democrática.

De 1964 a 1985 o Brasil viveu tempos difíceis do ponto de vista da liberdade de expressão. Entretanto, sob o foco da economia, o país figurava entre as 10 maiores economias do mundo.

Com a redemocratização, em 1985, o Brasil voltou a viver tempos de liberdade. Em fins da década de 80 e início da década de 90 do século XX, o país mergulhou em uma crise financeira grave com congelamento de preços e altas taxas de inflação e desemprego, além de um inédito impeachment em 1992, do então Presidente Fernando Collor de Melo. Em meados da década de 1990, a economia voltou a crescer, a democracia se fortaleceu, e a República Democrática voltou a viver tempos de prosperidade.

O início do século XXI não foi diferente, o Brasil continua crescendo (a passos curtos) com vários problemas estruturais, seja na política, seja no social, seja na economia. Entretanto, é importante ter em mente que o país ainda é jovem, temos apenas dois séculos de independência e apenas 3 décadas de efetiva liberdade política e de expressão. Ainda há muito o que melhorar.

Agora que você já conheceu um pouco mais sobre esse período significativo da História Política do Brasil, visite e divirta-se com o museu construído especialmente para eternizar a fase em que o Rio de Janeiro foi a sede do Governo do Brasil republicano. Acesse: http://eravirtual.org/mo_br/

 

 

Fica a dica!!!!

Quer saber mais?

COÊLHO, Denilson Alexandre. A História do Brasil em 20 minutos. EBook. Dicas de História, 2017.

http://eravirtual.org/

http://www.suapesquisa.com/vargas/

http://www.infoescola.com/biografias/getulio-vargas/

CARVALHO, José Murilo de. A formação das almas. O imaginário da República no Brasil. São Paulo, SP: Companhia das Letras, 2000.

________________________. Cidadania no Brasil: O longo caminho. 14 ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2011.

COSTA, Emília Viotti da. Da monarquia à república: momentos decisivos. São Paulo, SP: Livraria Editora Ciências Humanas Ltda, 1979.

DELGADO, Lucília de Almeida N. O Brasil Republicano. Rio de Janeiro, RJ: Editora Civilização Brasileira, 2008.

FREYRE, Gilberto. Casa-grande e senzala. 37ª edição. Rio de Janeiro, RJ: Record, 1999.

HOLLANDA, Sérgio Buarque de (org), História geral da civilização brasileira – tomo I: a época colonial. São Paulo, SP: DIFEL, 1985, 2v.

Deixe aqui um breve comentário.