Pós-Modernismo

                   
0
651

Por Denilson Alexandre Coêlho

O Pós-modernismo não é uma corrente historiográfica, muito menos uma Escola Histórica. É sim uma forma diferente de enxergar a ciência e o mundo. O século XIX viveu a euforia da modernidade, com sua visão utópica de um progresso constante da ciência e, consequentemente, da humanidade. Entretanto, o século XX surgiu para destruir a visão idealizada de que a solução para os problemas da humanidade seria a ciência. As duas guerras mundiais em 1914-1918 e 1939-1945 transformaram o modo de pensar do ser humano.  Foi então que teve início o pensamento pós-moderno.

Com a chegada da Guerra Fria, conflito ideológico entre os Estados Unidos da América e a antiga União Soviética, o pensamento historiográfico tomou novos rumos.

A História, além de seguir correntes e Escolas Históricas como os Annales, marxistas, metódicos dentre muitas outras, também passou a relembrar aquela História, influenciada pela Filosofia, Sociologia e Antropologia. Tornando a História novamente um campo com um viés mais subjetivo (pois o historiador também é influenciado pelo meio em que vive), além disso, tornou-se uma História que busca todas as partes do Globo Terrestre.

O planeta é o objeto de estudo da História, desde o globo como um todo, até o menor dos indivíduos. Tudo é História, tudo é conhecimento, todos são protagonistas de uma nova História.

Fica a dica!!!

Quer saber mais?

COÊLHO, Denilson Alexandre. O que você precisa saber sobre as Escolas Históricas. eBook. Dicas de História, 2017.

 

FUNARI, Pedro Paulo A. e SILVA Glaydson José da. Teoria da História. 1ª Ed. São Paulo, SP: Editora Brasiliense, 2008.

Deixe aqui um breve comentário.