HÉRCULES: O MAIOR DE TODOS OS HERÓIS

                   
0
824

Por Denilson Alexandre Coêlho

É de se imaginar que Hércules seja o maior de todos os heróis da mitologia romana e, claro, Héracles segundo a mitologia grega.

Foi um herói que desde a mais tenra infância precisou lutar por sua sobrevivência. Filho de Júpiter (ou Zeus) com uma mortal Alcmena, que era esposa de Anfitrião. Sempre sofreu com o ciúme de Juno (Hera, segundo a mitologia grega), deusa romana, esposa de Júpiter.

Enquanto ainda bebê, Juno enviou duas cobras para matar Hércules. Mas desde cedo, já mostrava que possuía incríveis poderes e matou as duas serpentes estranguladas.

Quando adulto, casou-se e teve três filhos. Porém, por conta do ciúme doentio de Juno, Hércules tomado de um feitiço desferido por Ate, deusa do engano, matou os três filhos achando que eram terríveis dragões. Sua tristeza foi tamanha que foi expulso de sua cidade e se exilou por vários anos.

Quando Euristeus assumiu o reinado de Micenas, por vontade de Júpiter (Zeus) e sob os desígnios de Juno, impôs a Hércules perigosos trabalhos chamados de “Os doze trabalhos de Hércules”.

Ao finalizar os doze trabalhos, os deuses perdoaram Hércules, que voltou a ter uma vida feliz. Entretanto, como em qualquer tragédia grega ou romana, seu futuro ainda lhe reservaria surpresas.

Ao casar-se com Dejanira, sua segunda esposa, em uma de suas viagens, ao atravessar um rio, Dejanira recebeu ajuda do centauro Néssus. Entretanto, o centauro tentou raptá-la, mas Hércules o matou. Antes de morrer, Néssus solicitou a Dejanira que guardasse seu sangue. Segundo ele, seu sangue ao ser despejado nas vestes de uma pessoa, teria o poder de manter seu amor para sempre.

Em uma oportunidade em que Dejanira se sentiu enciumada, resolveu utilizar-se do sangue do centauro e o despejou nas vestes de Hércules. Assim que o herói vestiu sua roupa, foi tomado por uma violenta dor e por grandes feridas, pois a roupa enfeitiçada grudara em sua pele arrancando-a.

Dejanira, arrependendo-se do ocorrido, enforcou-se. E, em meio a dores mortais, Hércules decidiu subir até o monte Eta e deitou-se no meio de uma pira funerária para ser queimado. Com o semblante sereno e certo de sua decisão, Hércules foi tomado pelo fogo.

Os deuses ficaram perturbados com o destino de Hércules. Mas Júpiter, seu pai, com o rosto sereno e jovial, informou a todos os deuses do Olimpo que apenas a parte mortal do herói iria perecer. Já o lado imortal, herdado por Júpiter, iria se sobrepor e torná-lo imortal por completo. Graças a todas as suas façanhas, trabalhos e batalhas conquistadas durante toda a sua vida. Juno, mesmo contrariada, aceitou a decisão de seu marido e, ao final, se reconciliou com Hércules e deu-lhe a mão de sua filha Hebe em casamento.

Portanto, tudo o que o herói fez na Terra foi visto pelos deuses do Olimpo. Com isso, Júpiter decidiu o destino de Hércules após a morte de acordo com sua vida e suas atitudes na Terra.

 

Fica a dica!!!

Quer saber mais?

COÊLHO, Denilson Alexandre. Toda a verdade sobre a mitologia. Dicas de História, 2017.

 

BULFINCH, Thomas. O Livro de Ouro da Mitologia: História de deuses e heróis. Rio de Janeiro: Agir, 2014.

Endereço Eletrônico Mitologia Helênica:

https://mitologiahelenica.wordpress.com/tag/euristeu/

Deixe aqui um breve comentário.